Jogo Sujo

Funcionário da prefeitura de SP é preso por corrupção

Ele era responsável por licenciamentos e teria recebido dinheiro para autorizar o funcionamento de supermercados

O funcionário público Celso Gabriel Arruda, responsável pela coordenação de licenciamento da subprefeitura do Itaim Paulista, na Zona Leste de São Paulo, foi preso por suspeita de receber propina de uma rede de supermercados. A Justiça de São Paulo emitiu um mandado de prisão temporária para Arruda por suspeita de corrupção passiva, e também um mandado de busca e apreensão. Promotores encontraram na residência do acusado R$ 200 mil em dinheiro. A prefeitura exonerou o agente público identificado e flagrado. Uma das lojas da rede funcionava sem alvará desde dezembro de 2018. “Ele pediu R$ 300 mil para não fechar a loja. Não sabemos se chegou a receber esse dinheiro”, afirmou o promotor Roberto Bodini.

A Justiça também determinou a prisão de um funcionário da rede de atacado, John Kenedy de Oliveira Silva, que está foragido.

Fonte: G1

Redação

Redação

Comentar