Jogo Sujo

Coronavírus: Procon do Rio cria canal exclusivo para receber denúncias de abusos contra consumidores

coronavirus

Número do WhatsApp (21) 97272-1337 foi disponibilizado para receber queixas da população, que pode enviar fotos e vídeos como provas

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Rio de Janeiro,  o Procon-RJ, anunciou que irá disponibilizar, a partir desta terça-feira (7/4), um canal de comunicação através do aplicativo de mensagens WhatsApp para receber denúncias em relação à pandemia da covid-19. O objetivo é agilizar o contato e a fiscalização.

“O WhatsApp poderá facilitar e acelerar o trabalho da fiscalização e dos analistas, que poderão receber relatos, fotos e vídeos como provas de violação rapidamente, e nesse momento melhorar ainda mais a comunicação com os consumidores. Quando recebemos a denúncia de preço abusivo, já com a foto da nota fiscal, da etiqueta na prateleira e do local de venda, já temos o indício da irregularidade, o que agiliza o processo de fiscalização. Além disso, como é uma comunicação rápida, se temos ficais na rua, podemos rapidamente deslocá-los para o local da denúncia”, explica Cassio Coelho, presidente do Procon-RJ.

O número para contato do WhatsApp é (21) 97272-1337. O consumidor precisar ter o nome do estabelecimento, o endereço, o nome do produto e a irregularidade. Não serão recebidas ligações pelo número, apenas mensagens.

Segundo o órgão, nos últimos 30 dias, foram recebidas mais de 600 denúncias. Do total, 99% delas são sobre o aumento abusivo de preços e vendas irregulares, sendo o álcool gel o produto que mais gerou queixas. Máscaras, luvas, medicamentos e itens de alimentos da cesta básica também são alvo de reclamações.

 

Redação

Redação

Comentar