Jogo Sujo

Vice-prefeito é suspeito de integrar quadrilha que desviou R$ 6 milhões no Acre

Valdelio Furtado

A Operação Sand Castle foi deflagrada hoje em municípios do estado do Acre para desarticular uma quadrilha que fraudava licitações públicas. O vice-prefeito de Marechal Thaumaturgo, Valdelio Furtado, é um dos investigados, assim como um vereador de Cruzeiro do Sul.

Secretários municipais, o presidente da Comissão se Licitação e empresários também estariam entre os integrantes da organização criminosa, que fazia uso de “laranjas” para desviar os recursos e lavar dinheiro. A quadrilha teria causado um prejuízo de mais de R$ 6 milhões de reais ao município de Marechal Thaumaturgo entre 2017 e 2021.

A Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão em Cruzeiro do Sul, Marechal Thaumaturgo e na capital Rio Branco. Os investigados também são suspeitos de lavagem de dinheiro, organização criminosa e estelionato previdenciário no município de Marechal Thaumaturgo/AC, na região do Vale do Juruá. Em 2020, a empresa que sequer possuía sede e tinha um único funcionário registrado recebeu R$ 1,6 milhão.

A investigação começou em 2020, quando o Tribunal de Contas do estado constatou que uma construtora, cuja sócia administradora recebeu o Auxílio Emergencial, apresentava características de empresa de fachada. De acordo com os investigadores, empresários, servidores públicos e laranjas utilizavam a construtora e outras empresas para direcionar licitantes vencedores através de irregularidade na entrega de documentos. Uma espécie de rateio nas contratações era realizada entre as empresas participantes dos certames.

Redação

Redação

Comentar