Jogo Sujo

“Rei Arthur” é solto horas após ser preso em Miami

Rei Arthur

Empresário foragido desde 2017 foi detido pela imigração americana, mas liberado horas depois. Ele é acusado de envolvimento na compra de votos para a eleição do Rio como sede das Olimpíadas

O empresário Arthur Cesar de Menezes Soares Filho, o Rei Arthur, preso na manhã de sexta-feira (25/10) pela imigração dos Estados Unidos, em Miami, foi liberado no fim do dia e já estava em casa por volta das 20h30, segundo seus advogados.

Arthur Soares é acusado pela da Lava Jato de atuar na compra de votos para trazer a Olimpíada de 2016 para o Rio. Estava foragido desde 2017 e constava da lista de procurados da Interpol. A prisão, no entanto, foi feita por agentes da imigração americana, por outro motivo: falta de visto.

Responsável pelo pedido contra Soares Filho, atendido em 2017 pelo juiz federal Marcelo Bretas, o Ministério Público Federal havia comunicado ontem que “teve ciência da prisão e espera que sejam cumpridos os pedidos já formalizados às autoridades americanas afim de dar prosseguimento ao processo”.

Redação

Redação

3 Comentários